Salmos 27:1-14

1O Senhor é a minha luz e a minha salvação; de quem terei medo? O Senhor é a fortaleza da minha vida; a quem temerei? 2Quando malfeitores me sobrevêm para me destruir, meus opressores e inimigos, eles é que tropeçam e caem. 3Ainda que um exército se acampe contra mim, não se atemorizará o meu coração; e, se estou-rar contra mim a guerra, ainda assim terei con iança. 4Uma coisa peço ao Senhor, e a buscarei: que eu possa morar na Casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a beleza do Senhor e meditar no seu templo. 5Pois, no dia da adversi-dade, ele me ocultará no seu pavilhão; no recôndito do seu tabernáculo, me acolherá; elevar-me-á sobre uma rocha. 6Agora, será exaltada a minha cabeça acima dos inimigos que me cercam. No seu tabernáculo, oferecerei sacri ı́cio de júbilo; cantarei e salmodiarei ao Senhor. 7Ouve, Senhor, a minha voz; eu clamo; compadece-te de mim e responde-me. 8Ao meu coração me ocorre: Buscai a minha presença; buscarei, pois, Senhor, a tua presença. 9Não me escondas, Senhor, a tua face, não rejeites com ira o teu servo; tu és o meu auxı́lio, não me recuses, nem me desampares, ó Deus da minha salvação. 10Porque, se meu pai e minha mãe me desampararem, o Senhor me acolherá. 11Ensina-me, Senhor, o teu caminho e guia-me por vereda plana, por causa dos que me espreitam. 12Não me deixes à vontade dos meus adversários; pois contra mim se levantam falsas testemunhas e os que só respiram crueldade. 13Eu creio que verei a bondade do Senhor na terra dos viventes. 14Espera pelo Senhor, tem bom ânimo, e forti ique-se o teu coração; espera, pois, pelo Senhor.